Technology

Gostas de água?

Gostas de água?

Gostas de água?

Então, vais gostar de saber que até final de Abril estão abertas as inscrições para a IV Eco Regata, organizada pela licenciatura de Engenharia e Arquitectura Naval do Instituto Superior Técnico (IST). O evento realiza-se na Piscina Oceânica de Oeiras (Lisboa) a 21 de Maio. O objectivo da Eco-Regata é construir, com materiais já utilizados – cartão, garrafas de plástico, etc. –, pequenas embarcações que depois são testadas num conjunto de provas, em piscina.

Esta prova pretende despertar, entre os alunos do ensino Básico e Secundário de todo o país, o interesse pelo Ambiente e alertar as camadas jovens para as necessidades e vantagens da reciclagem de materiais.
A Eco Regata pretende ainda dar a conhecer as questões científicas associadas ao comportamento dos navios. Ou seja, as matérias estudadas na disciplina de Físico-Química e também desenvolvidas e aplicadas na licenciatura de Engenharia e Arquitectura Naval do IST.
Para mais informação, podes ligar para o 21 841 74 68 ou então

Reforma curricular arranca em 2004/2005!!

Desta é que é! No início de Janeiro foi aprovado, em Conselho de Ministros, o diploma da reforma do ensino secundário, que mudará a estrutura do ensino secundário a partir do próximo ano lectivo.

Das cinco vias de ensino propostas, a Vocacional não irá entrar em vigor. Recordamos-te que, em vez das duas vias existentes de momento (Geral e Tecnológica), a Revisão Curricular contempla quatro – seriam cinco, com a via Vocacional: Científico-Humanístico (para prosseguimento dos estudos universitários), Tecnológico (prosseguimento no politécnico ou em cursos pós-secundários de especialização tecnológica, com vista ao mercado de trabalho), Artístico (para seguir artes performativas), e Profissional (para quem quer entrar no mercado de trabalho). Este diploma estabelece os princípios orientadores da organização e gestão do currículo, assim como as novas matrizes curriculares para os cinco cursos científico-humanísticos (Ciências e Tecnologias, Ciências Sócioeconómicas, Ciências Sociais e Humanas, Línguas e Literaturas e Artes), e para os cursos tecnológicos, profissionais a artísticos especializados. No agrupamento Tecnológico haverá lugar para dez cursos: Construção Civil e Edificações, Electrotecnia e Electrónica, Informática, Ordenamento do Território e do Ambiente, Design e Multimédia, Marketing, Administração, Acção Social e Desporto.
Uma das grandes mudanças da revisão curricular é que, em qualquer altura, os alunos terão a possibilidade de reformular o seu percurso escolar, mudando de curso ou via de ensino, sem que haja necessidade de andar para trás. Como assim?, perguntas. Haverá uma maior permeabilidade, tanto na escolha da via de ensino, como do próprio currículo, que poderás construir de acordo com os teus interesses. Da mesma forma, poderás optar por ter determinadas disciplinas no 10º ou no 12º ano.
Mas as alterações não se ficam por aqui… Na área de formação geral, passará a ser obrigatória, para todas as vias de ensino, a disciplina de Tecnologias de Informação e Comunicação no 10º ano. Além disso, haverá um aumento da oferta de disciplinas no domínio das TIC (Aplicações Informáticas). Já as provas globais perdem o carácter obrigatório. Cada escola decidirá se as mantém ou não como elemento de preparação para os exames nacionais. Os actuais sete exames que existem no 12º ano passam a ser apenas quatro, distribuídos pelo 11º e 12º anos.
Também a carga horária diminui, de 30 para 25,5 horas, nos cursos científico-humanísticos, e para 28,5 horas semanais nos tecnológicos (10º e 11º). No 12º ano, muda para 24 e 30 horas, respectivamente. As aulas serão mesmo organizadas em blocos de 90 minutos, como já acontece actualmente em muitas escolas. Queres mais informações? Consulta os seguintes sites: Ministério da Educação (www.min-edu.pt) e Departamento do Ensino Secundário (www.des.min-edu.pt)
No próximo ano lectivo, todas estas medidas entrarão em vigor. Por isso, o melhor é ires-te preparando para as grandes mudanças que aí vêm. Mas, antes disso, diz-nos o que pensas da nova revisão curricular.

Os teus avós fizeram História?

Os teus avós fizeram História?

Os teus avós fizeram História?

Se achas que as aulas de História não têm muito sentido, provavelmente, estás a precisar de uma reviravolta na matéria. Já alguma vez paraste para pensar como foi a vida dos teus avós e bisavós? Por onde andaram, o que fizeram, o que pensavam…

Pois bem, a partir de agora, a tua família vai fazer parte das lições de História. Como? É simples… “A minha família no século XX” é um projecto educativo lançado pela Ludicom, destinado aos estudantes do 8º e 9º ano. O objectivo é transportar a disciplina para a realidade, envolvendo a tua família, a escola e a comunidade, a fim de descobrir os acontecimentos e valores que marcaram as suas vidas nos últimos cem anos.
As escolas participantes neste projecto recebem um kit pedagógico que irá apoiar a sua realização. O kit engloba um leitor de DVD, um DVD do historiador José Hermano Saraiva com a “História de Portugal” e um DVD da revista Visão, que estabelece a ligação do passado com o presente, juntamente com fichas de orientação e cadernos de apoio, que levantam questões, lançam pistas e sugestões, para professores e alunos.
Como complemento, esta iniciativa oferece ainda a oportunidade de visitar a exposição “Século XX Português, 100 imagens – 100 legendas”, da responsabilidade da estação televisiva SIC, que está a percorrer o país até Julho.
No final das tuas pesquisas e debates sobre a História, és então convidado(a) a apresentar um trabalho sob a forma de imagens e legendas, com base no caderno de apoio. O que se pretende é que sejas capaz de reproduzir o percurso dos teus pais, tios e avós durante o século que passou – o século XX – relacionando-o com os conhecimentos adquiridos durante as aulas e através das tuas pesquisas. Uma vez que os protagonistas serão os teus familiares, vais poder “viver” a História e, quem sabe, compreender e gostar um pouco mais da disciplina. E já vais poder dizer com toda a confiança: “No tempo dos meus avós…”
16/03/04

Fórum Vocacional 2004

Fórum Vocacional 2004

Fórum Vocacional 2004

A Escola Secundária de S. João do Estoril e a sua Associação de Pais e Encarregados de Educação organizam, de 19 a 23 de Abril no Átrio desta Escola, o Fórum Vocacional 2004 – uma mostra de 37 instituições de Ensino Superior e Tecnológico da região de Lisboa, que se renovarão ao longo da semana.

O Fórum Vocacional 2004 destina-se a fazer chegar junto dos alunos do Ensino Secundário da Escola informação sobre os cursos superiores e tecnológicos oferecidos pelas Instituições, de forma a que melhor e mais cedo possam conhecer as opções disponíveis, fazer a sua escolha e delinear o seu futuro profissional.
As instituições representadas vão desde Universidades e Institutos Superiores, ou seus Departamentos e Faculdades, a Escolas de especialização tecnológica, passando por escolas de organizações militares e a Escola Náutica, que estará presente com simuladores de navegação.
O Fórum Vocacional 2004 compõe-se de dois tipos de actividades:
-Exposição de stands das instituições no Átrio, oferecendo material, escrito e multimédia, de divulgação dos cursos e saídas profissionais; -Apresentações multimédia em Auditório, conduzidas por Professores das respectivas instituições e, nalguns casos, por alunos das correspondentes Associações de Estudantes.
A maioria das instituições convidadas acolheu e aderiu ao Fórum com entusiasmo e houve mesmo outras que procuraram a Comissão Organizadora para nele poderem participar. O Fórum Vocacional 2004 aguarda a visita do Senhor Presidente da Câmara Municipal de Cascais e dos seus Vereadores da Educação e Cultura e da em data a confirmar.

“D. João V” em festa

“D. João V” em festa

“D. João V” em festa

A FORUM foi ao 24º aniversário da Escola Secundária D. João V, na Damaia (Amadora). O sol abrilhantou um dia em que alunos e professores participaram em jogos, experiências e exposições. Os 7º e 8º anos tiveram ainda a oportunidade de responder às perguntas das Olimpíadas do Português.

Vários grupos de quatro alunos puseram mãos-à-obra e trataram do funcionamento da língua, através de exercícios de gramática, passando pela interpretação das obras “O Cavaleiro da Dinamarca” e “Uma Questão de Cor”, leccionadas nos 7º e 8º anos, respectivamente.
O “peddy-paper” fez os mesmos alunos recuarem à época do patrono da escola, D. João V. A etapa do percurso, em que as diferentes equipas tiveram apenas de comer moedas de ouro, foi “canja” e soube bem, a chocolate. Até o velhinho jogo da macaca teve honras de destaque por intermédio de alguns dos participantes. O conjunto das várias provas pedestres contou com o empenho, o espírito de grupo e a boa disposição dos jovens estudantes. À chegada não podia faltar a venda nos olhos, no desafio que deu às equipas os últimos e derradeiros pontos a serem somados.
Como experiência mais gratificante, o “pega-monstros”. No mínimo, existia curiosidade ao ver a massa gelatinosa com corante vermelho, destinada ao cabelo mais próximo. Para além de estar incluída no “peddy-paper”, a experiência química do gel para o cabelo, animou o laboratório da disciplina de Técnicas Laboratoriais de Química (TLQ), dos 10º e 11º anos. Para o ano, o laboratório não será tão frequentado, pois TLQ, que se traduz em actividades experimentais, acaba, sendo adaptada como componente prática da disciplina de Química.
Já no laboratório de Física, “a bola equilibrista” manteve-se suspensa, em rotação no ar. Destinado aos tempos livres, o “Clube dos Cientistas” entregou-se à astronomia e, através do formato instalação, criou um compartimento fechado, às escuras. Aí era reproduzido um sol gigantesco e luminoso, cerca de 110 vezes maior que a Terra, além dos dez planetas do sistema solar, praticamente do tamanho de pequenas ameixas. Olhar para as constelações remetia para uma noite limpa, onde as estrelas eram apenas mínimos pontos luminosos.
O aniversário da escola, a 4 de Março, tem motivado, desde há quatro anos, sucessivas comemorações. O pavilhão gimno-desportivo, inaugurado precisamente neste dia há dois anos, deu um impulso maior à prática de desporto na escola. De manhã à noite, os diferentes laboratórios, salas e espaços de convívio funcionaram, mais uma vez, em pleno. Sem aulas, mas recheados de actividades e animação.

Benvindos à Herdade da Sanguinheira

Benvindos à Herdade da Sanguinheira

Benvindos à Herdade da Sanguinheira

Nestas páginas pretendemos mostrar-vos o nosso Portugal: na beleza múltipla do campo no Alto Alentejo no coração de Portugal, a nossa propriedade rural, completamente renovada, tornou-se num centro de férias e não em último lugar os nossos belos cavalos que são puro sangue Lusitano, clássicamente treinados.

No coração do país, no sopé duma montanha magnífica, escondido num vale, estende-se no campo a “Herdade da Sanguinheira” da nossa família luso-alemã. Venham até nós conhecer as extensões ainda não descobertas e a diversidade da paisagem do Norte Alentejo. Deixamos ao cuidado dos nossos cavalos Lusitanos a natural aventura de aprofundar os vossos conhecimentos de equitação e aprender a equitação clássica portuguesa.

A nossa região oferece aos desportistas a possibilidade de percursos pedestres, a natação, o yatching e o ski náutico; os pescadores e e caçadores são benvindos. Para melhor conhecer a cultura e história de Portugal, propômo-vos excursões a cidades como Évora (património cultural do mundo-UNESCO). Durante a vossa estadia, longe do turismo em massa, conheça Portugal no seu mais autêntico!

Paisagem Alentejana

A vasta paisagem Alentejana convida-o às caminhadas longas através das florestas e do montado. Na Barragem de Montargil e no Rio Tejo, você pode ir nadar ou praticar vários desportos náuticos. Os caçadores encontrarão uma reserva de caça de 1200 há, com varias espécies a disposição. Os cavaleiros podem conhecer a região a cavalo.
Nós gostaríamos também de recomendar-lhe vários percursos� de carro (alugado): A meia hora de distância A Coudelaria Real de Alter do Chão. Pode visitar facilmente a cidade de Évora com seus museus e a sua cultura, declarado património do mundo pelo UNESCO, e outros locais históricos tais como Marvão, Castelo de Vide, Portalegre ou a cidade de Tomar, fundada pelos Templários.
O Alojamento na Herdade da Sanguinheira

Durante a vossa estadia, podem ficar alojados numa das nossas casas de hóspedes.

Todas as casas estão equipadas com:

sala de estar com lareira, casa de banho/WC e duche/WC
cozinha, dois ou três quartos de duas camas ou camas dublas
televisão, telefone e, aquecimento central.

Casas mobiladas e equipadas

Casas mobiladas e equipadas

Casas mobiladas e equipadas

Todos os hóspedes são convidados a utilizar o espaço de lazer interior e exterior da casa principal, seja a sala de estar com lareira, a sala de bilhar etc, a grande sala de jantar (mesa para 20 pessoas), a sala de televisão (TV-satélite, video), aquecimento central, bar e piscina (12m x 6m) com terraço; e ainda, as bicicletas para fazer passeios nas imediações.
A casa principal e as casas de hóspedes estão envolvidas por buganvílias e pelo nosso jardim maravilhoso, florido todo o ano. Depois de um banho refrescante na piscina, podem repousar ao sol no jardim. De bicicleta ou a pé, podem sondar a região. À noite, estão convidados a ficar com um grão na asa ao saborear uma garrafa de vinho alentejano junto à lareira ou jogando ao bilhar.
Férias 2003

Oferece um núcleo de habitação constituido por:

1 unidade tipo T1 com: 1 quarto de duas camas individuais
1 sala com lareira e televisão 1 casa de banho
1 cozinha Lotação – 2 pessoas (Adultos ou crianças)
Preço T1: 82 € por dia, com pequeno almoço “não preparado” incluido.
1 pessoa/cama suplementar na sala, adulto ou criança: 28 €; berço: 8 €

2 unidades tipo T2 com:

2 quartos de duas camas individuais, 1 sala com lareira e televisão, 2 casas de banho, 1 cozinha
Lotação – 4 pessoas (Adultos crianças), Preço T2: 133 € por dia, com pequeno almoço “não preparado” incluído., 1Pessoa/cama suplementar, adulto ou criança na sala: 28 €, berço: 8 €

1 unidade tipo T3 com:

3 quartos de duas camas individuais, 1 sala com lareira e televisão, 2 casas de banho, 1 cozinha, Lotação – 6 pessoas (Adultos ou crianças)
Preço T3: 200 € por dia, com pequeno almoço “não preparado” incluído.
1-Pessoa/cama suplementar adulto ou criança na sala: 28 €, berço: 8 €

Casas mobiladas e equipadas (roupas e loiças)., Um núcleo comum de lazer constituido por:

Sala de jogos (snooker, cartas, etc), sala de estar, casa de jantar com vinte lugares sentados, todas as salas com lareira, aquecimento central, televisão via satélite, Piscina com doze metros por seis, Bicicletes: 5 €/dia
Um núcleo anexo de actividades equestres composto de:

Picadeiro coberto (30×15), Boxes – 22, Picadeiro ao ar livre (45×20)
Com marcação prévia, e para estagiários efectuam-se:

Passeios a cavalo com guia (minimo 2 horas) para descoberta da região
Ensino de dressage e arte equestre, com aulas individuais ou em grupo
PROGRAMAS DE DOMINGO A SÁBADO

PROGRAMA-A)

6 noites, 5 dias a cavalo ,10 horas de passeio mais 5 horas de aulas em grupo, Em quarto duplo e meia pensão = 741 € / por pessoa
Em quarto duplo e pensão completa = 856 € / por pessoa, Em quarto individual mais 169 €
PROGRAMA-B)

6 noites, 5 dias a cavalo, 10 horas de passeio mais 5 horas de aulas individuais, Em quarto duplo e meia pensão = 876 € / por pessoa
Em quarto duplo e pensão completa = 991 € / por pessoa, Em quarto individual mais 169 €, PROGRAMA-C)

6 noites, 5 dias a cavalo, 15 horas de passeio, Em quarto duplo e meia pensão = 726 € / por pessoa, Em quarto duplo e pensão completa = 841 € / por pessoa, Em quarto individual mais 169 €, Oferta individual

1 hora de aula em grupo: 30,- €, 1 hora de aula individual: 56,- €
1 hora de aula para principiantes: 25,- €, PROGRAMA para PRINCIPIANTES

5 horas de aulas para principiantes: 125,- €, 5 aulas de volteio: 100,- €

Para Não-Cavaleiros:, (só acompanhantes, de estagiários)
6 noites:, pensão completa em quarto duplo: 530 € (menores de 12 anos: 451 €), meia pensão em quarto duplo 336 € (menores de 12 anos: 276 €)
Em quarto individual mais 169 €

Outras Informações:

A limpeza e arrumação diária das casas, só inclui lavagem de louça do pequeno almoço servido, outras limpezas serão feitas a pedido, por 5 € / hora.

Entrada a partir das 16,00 horas, Recepção de Hospedes até ás 23,00 horas
Saída dos alojamentos até ás 11,30 horas.

Animais não são admitidos.

A pedido prévio (24h) poderão ser servidas refeições. Refeição completa com café e vinho incluido; preço adulto: 23 €, menores de 12 anos: 13 €.

A estadia mínima é de duas noites.

O pedido de reserva será acompanhado de um sinal de 30%, só quando efectuado, será a mesma confirmada. O cançelamento levará à perca do sinal.

Os preços e taxas aplicados poderão ser alterados por força da lei.

Não estão incluidos seguros, responsabilizando-se o cliente, pelos acidentes, ou danos ocorridos nas actividades.

Mudança de toalhas, duas vezes por semana